Exposição: “Fragmentos” no Museu do Café

“Fragmentos”
Pensar fragmentos como pedaços de trajetória é uma maneira de ver a presente exposição. Os artistas Eduardo Schamó, Eiji Yajima, Fátima Lourenço, M.Clarice Sarraf, Matiko Sakai e San Bertini, do Grupo Oka, refletem justamente sobre os pedaços de si mesmos que se transformam em arte.
Desse modo, encontrar fragmentos juntos significa consolidar relações existenciais marcadas por um constante diálogo entre aquilo que se faz e o que se deseja atingir. É nessa distância que se cristaliza uma produção artística. Entre a mente que concebe e o braço que realiza há um percurso.
Dá-se assim um caminhar que se distingue por um proceder plástico
caracterizado por interrogações. Elas ganham força na mesma proporção que a prática se torna cada vez mais plena por conceber relações com o mundo regidas pelo trinômio conceber/agir/observar.
Para os artistas, fragmentar-se constitui um mecanismo de perguntar-se o que
se é e para qual direção se caminha. Talvez o maior ensinamento esteja em entender um pedaço de si mesmo e do próprio trabalho como se fosse exatamente a mesma coisa. Cada parte compõe o todo do poético enigma do existir.

Oscar D’Ambrosio

Museu do Café da Fazenda Lageado da Unesp Botucatu – SP

 Exposição realizada no período de 30 de novembro de 2011 a 20 de Janeiro de 2012, com a visitação de 1.871 pessoas.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s